HOMEOPATIA E CARACTERÍSTICAS HOMEOPÁTICAS

HOMEOPATIA E CARACTERÍSTICAS HOMEOPÁTICAS
Rosmeire Paixão é Homeopata Clássica Terapeuta CONAHOM 1274 email: rosmeire.homeopatias@gmail.com

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

A pele - órgão de expressão emocional e as patologias cutâneas

A pele representa a interface entre dois mundos: o meio externo (ambiente) e o meio interno (organismo)tendo como local de descarga fisiológica da ansiedade, um destaque especial no grupo das doenças psicossomáticas. O estresse emocional pode originar alterações periféricas que tornam a pele vulneráveis a injúrias físicas,químicas e infecciosas que, por sua vez, desencadeiam reações emocionais que perpetuam lesões locais. MANTENDO-SE as emoções, estes quadros jamais serão curados. O fenômeno da eliminação pela pele constitui argumento à tendência centrífuga do organismo no esforço de cura.

“Um funcionamento inadequado da psique pode causar tremendos prejuízos ao corpo, da mesma forma que, inversamente, um sofrimento corporal pode afetar a psique; pois a psique e o corpo não estão separados, mas são animados por uma mesma vida. Assim sendo, é rara à doença corporal que não revele complicações psíquicas, mesmo quando não seja psiquicamente causada.” (Jung)

A Homeopatia age na pessoa como um todo corporal, emocional e espiritual. Age nos sintomas físicos, orgânicos ou gerais. São chamados sintomas gerais aqueles relacionados ao meio ambiente, como por exemplo, a mudança de clima. A Homeopatia é um meio suave para o restabelecimento da saúde, que utiliza a capacidade de reorganização do nosso organismo ao estimular a sua energia vital, responsável pela vida e pelo equilíbrio orgânico.
Homeopatas bem preparados ao se deparar com um paciente altamente suprimido pelo uso e tentativas de vários tratamentos alopáticos sem sucesso porque a causa é idiopática ou diz-se que o problema é de “fundo emocional”, como se o “fundo emocional” fosse algo não pertinente à medicina, recebe esse indivíduo e então, inicia um verdadeiro resgate rumo à sua reestruturação interna estimulando o organismo a reorganizar-se no seu campo energético para retornar ao seu equilíbrio normal e assim reforçar as suas defesas psíquicas e orgânicas (sistema psico-neuro-endócrino), para desconstruir a doença, bem como impedir que haja a vulnerabilidade do organismo para a recidiva da enfermidade. Com isso, a homeopatia não só pode atuar no tratamento, mas, principalmente, na prevenção das enfermidades.


Nenhum comentário:

Postar um comentário