HOMEOPATIA E CARACTERÍSTICAS HOMEOPÁTICAS

HOMEOPATIA E CARACTERÍSTICAS HOMEOPÁTICAS
Rosmeire Paixão é Homeopata Clássica Terapeuta CONAHOM 1274 email: rosmeire.homeopatias@gmail.com

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Gravidez - tempo de Homeopatia


A Homeopatia pode acompanhar a futura mãe em todas as etapas da gravidez, minimizando desconfortos típicos de cada fase – enjoos, azia, prisão de ventre, inchaço, cólicas, dores abdominais, entre outros. Além disso, determinados medicamentos homeopáticos podem ajudar a prevenir moléstias que tendem a se manifestar ou a se agravar na gestação, como diabetes e hipertensão. E a cada ano aumenta o número de mulheres, inclusive no Brasil, que fazem preparação homeopática para o parto, visando, por exemplo, a facilitação da dilatação, um ritmo mais eficiente nas contrações e o controle de ansiedade.
Mulheres que já são pacientes homeopáticas normalmente fazem seu pré-natal com o apoio de um terapeuta homeopata, que terá o bom senso de não pleitear a exclusividade: Nada substitui o pré-natal bem feito.
Se a mãe foi homeopatizada durante a gravidez, o bebê nasce com suas predisposições mais bem controladas, o que significa, por exemplo, menos refluxos gástricos e menos cólicas. Se, porém, o bebê apresenta essas características mais exacerbadas, existem medicamentos homeopáticos adequados ao limiar da vida geralmente administrados à mãe e assimilados pelo bebê através da amamentação. Vacinas convencionais? Sim. Não pode haver nada contra manter o bebê protegido contra doenças preveníveis por vacinas. Falo, é claro, das imunizações constantes do calendário oficial. As opcionais, como a da gripe ou rotavírus, são questionáveis. O aleitamento materno até o sexto mês é altamente recomendável – não só pelo aspecto nutricional como pelo reforço na imunização do recém-nascido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário